Um minuto de SUA atenção, caro amigo, cara amiga!!!

 

BS”D

Olá, caro amigo, cara amiga,

Muitos de vocês já me conhecem e outros ainda não. Sou Alberto Maurício Danon, jornalista, 46 anos, casado e atuo na área de comunicação corporativa. Sou diretor da ADCom Comunicação Empresarial, agência com foco na valorização da imagem de empresas, produtos e pessoas, através da comunicação direta, transparente, ética e verdadeira – pilares sobre os quais conduzo a minha vida pessoal e profissional.

Gosto muito de gente. Quem me conhece sabe disso! Adoro me relacionar com pessoas de todas as origens, de culturas diferentes, de realidades distintas. A cada conversa, por mais simples que possa ser, há um grande aprendizado.

Estudei desde o maternal até o então terceiro colegial no colégio Iavne Beit Chinuch, participei dos movimentos juvenis Netzah Israel e Kesher, estudei Engenharia na Escola Politécnica da USP,  Jornalismo na Universidade São Judas Tadeu e frequento sinagoga constantemente.

Como grande amante da música, estudei violão, piano, canto lírico e cursei sapateado e dança de salão, tornando-me depois, como agradável hobby, também professor nesta apaixonante modalidade.

Antes de trabalhar na área de comunicação, atuei no comércio, o que me deu forte base para conhecer pessoas das mais distintas realidades e aprender com cada uma delas. Fui repórter de TV por sete anos.

A entrada na política

Há mais de 10 anos, amigos insistem em me incentivar a entrar para a política tanto pelo perfil combativo, questionador e moralizador, como pelo auxílio que sempre estou disposto a prestar a inúmeras pessoas e entidades em vários aspectos. Muitos diziam: “você foi um excelente e respeitado síndico, que modernizou a gestão de seu condomíno no comecinho dos anos 90, adora ajudar pessoas e instituições, irrita-se – e a age – quando vê algo injusto. Por que não se candidata?”. Ainda não era o momento. Mas agora ele chegou!

Desde a época que fui síndico até hoje (período de 20 anos), muita coisa se passou, muita experiência foi acumulada, o olhar crítico foi sendo aguçado e a intuição, o conhecimento e o relacionamento com as pessoas e com os seus direitos foi sendo otimizado.

Participei de várias instituições e trabalhos beneficentes. Hoje em dia, sou diretor de comunicação do Instituto Brasileiro de Eventos (Ibev), com sede na cidade de São Paulo e umas das importantes entidades que promovem e potencializam o turismo em nossa metrópole.

Atualmente, mais maduro, com ideias novas, com muita força de vontade, garra, determinação para trabalhar ainda mais e muita humildade, resolvi me engajar na vida pública. Candidato-me ao cargo de vereador pela cidade de São Paulo, pelo partido PRP (Partido Republicano Progressista, da coligação “Por uma Nova São Paulo”), com o número 44418. E, por isso, conto COM VOCÊ, para que juntos possamos fazer uma gestão limpa, bonita, dinâmica, moderna, com ações práticas e eficazes para uma cidade melhor, mais justa e com qualidade de vida. Queremos ouvir muito você para podermos trabalhar com foco no atendimento às suas necessidades.

Tem muita, mas muita coisa que deve ser mudada, criada, transformada, adaptada. É claro que é impossível, pelos anos onde nada foi feito, implantar tudo de uma só vez. Mas é preciso começar, ter vontade política para tal. E isso tenho de sobra!  Possuo inúmeras propostas e todas realizáveis. Entre elas: fortalecer o apoio e a defesa ao consumidor, apoiando a criação dos Procons municipais, dando mais importância e voz para as pessoas; combater a odiosa “indústria das multas”, ou seja, desejo enveredar esforços para que os agentes de trânsito voltem a trabalhar como antigamente, ajudando na fluidez do trânsito, orientando, desatando nós viários e não somente multando indiscriminadamente. Em muitos casos, é importante sim a multa, mas não do jeito que está sendo feito! Além disso, nossa preocupação está ligada a uma maior iluminação das ruas e avenidas para aumentar a segurança da população e inibir a ação de marginais; tratamento correto e justo aos animais abandonados, trabalhando em prol do aumento da quantidade e qualidade de atendimento das CCZs (Centros de Controle da Zoonose) e da posse responsável; tratar o mendigo de tal forma a restabelecer sua dignidade e, ao mesmo tempo, dar segurança à população, entre outros inúmeros aspectos. Também tenho planejadas ações para diversas comunidades, entre elas – e muito fortemente -, à comunidade judaica,onde faremos de tudo para combater ações preconceituosas, com atuação forte em prol do entendimento entre todos e respeito às tradições religiosas. Estamos ouvindo muito, sentindo as necessidades das pessoas, e adaptando ao nosso programa para que possamos, efetivamente, ser a SUA voz atuante na Câmara Municipal de São Paulo.

Não podemos ficar na inércia, dizendo que não há jeito. HÁ SIM JEITO E DEPENDE DE NÓS!!! De você, de mim e de todos os(as) amigos(as) que desejam uma jornada de qualidade e uma São Paulo REALMENTE MELHOR para todos(as)!!!

Muito obrigado, desde já, por sua confiança, pelo seu apoio e pelo seu voto.

Mude de Tom, Vote no Danon 44418

Forte e grande abraço,

Danon – 44418

Anúncios

Sobre juros bancários. Carta deste missivista no jornal Folha de S. Paulo desta quinta-feira, 30 de julho…

http://www1.folha.uol.com.br/fsp/opiniao/fz3007200910.htm

Roberto Setúbal
“Muito interessante a entrevista concedida pelo sr. Roberto Setúbal (Dinheiro, 26/7). Porém, preciso discordar, veementemente, quando ele diz que deve manter as altas taxas de juros por conta da inadimplência. Ora, a inadimplência está alta por conta das altas taxas de juros que os bancos desejam. Se os juros baixassem, certamente a inadimplência seguiria o mesmo caminho. Não é possível que ele e seus colegas invertam o fato, transformando a vítima em culpada.”
ALBERTO MAURÍCIO DANON
(São Paulo, SP)